Você já deve ter se perguntado se o seu cão não está febril, pois quando toca nele sente ele mais quente. Como a temperatura normal dele é em média 3 graus acima da nossa, estamos tentados a pensar que esse “calor” todo pode ser febre… mas não é bem assim.

A temperatura corporal normal para um cão varia de 38 °C a 39,2 ° C, em repouso. Temperaturas acima dessa margem nem sempre significa febre pois pode haver interferência de temperatura ambiente, de situação de estresse ou atividade física, mas passado essa interferência e voltando a atividade normal a temperatura deve voltar a faixa de 38 a 39 graus.

Se a temperatura do seu cão está fora dessa faixa e persistir em repouso, deve contactar o seu veterinário. A temperatura corporal persistente abaixo de 38 ou acima de 39,2 pode indicar uma condição anormal.

Temperatura mais baixa pode ser considerada esperada para animais muito velhos e mesmo filhotes recém nascidos e assim devem precisar de ajuda para manter-se aquecidos.

Em geral, a maneira mais precisa para medir a temperatura corpórea do cão é via retal. Existe também alguns termômetros de orelha feito especialmente para as orelhas de cão mas que podem ser considerados pouco precisos. Também é importante compreender que você não pode medir a temperatura de um cão corpo através do toque pois eles naturalmente já são mais quentes que nós (nossa temperatura normal é em torno de 36,5°C) e sempre tendemos a achar que estão febris.

Além disso, um nariz quente ou seco não indica necessariamente uma febre ou qualquer outro problema de saúde, pode ser devido a temperatura ambiente, excesso de atividade física e mesmo característica de alguns animais que tem problemas de lubrificação naso lacrimal.

Normalmente um veterinário experiente pode sentir se o animal tem febre ou não somente tocando nele, principalmente na virilha, orelhas e gengivas e associando essa temperatura externa a outros achados físicos, mas o modo correto de aferir a temperatura ainda é com termômetro via retal.

Devemos reforçar que o animal febril, fica mais quieto, deixa de comer, fica triste e deve apresentar outros sinais clínicos indicativos de doença, visto que a febre é um sinal de que algo errado esta acontecendo. Nesse caso, somente o Médico Veterinário pode interpretar essa febril e indicar o seu controle. A medicação antitérmica sem controle pode mascarar alguma doença em desenvolvimento.



Posts Relacionados:


  1. Inverno: a temperatura diminui e os cuidados com os pets aumentam!

  2. Coceira em Cães e Gatos: O “Quanto” é Normal?