Home / CÃES / Cuidados com seu filhote / Por que devemos dar vermífugos para todos os filhotes?

Por que devemos dar vermífugos para todos os filhotes?

15 / out / 2013

Assim como as crianças, os filhotes de cães e gatos estão mais suscetíveis a infestações por parasitas intestinais.

Quer seja pela ausência de resistência aos parasitas, por que coloca tudo na boca ou por que teve contato direto com cães ou áreas contaminadas, praticamente todos os filhotes tem infestações por parasitas intestinais e por isso devem ser vermifugados antes de iniciar o esquema de vacinas.

A nossa recomendação é que todos filhotes a partir de 25 a 30 dias de vida recebam a dose de vermífugo de acordo com o peso deles e somente o Médico Veterinário é que pode definir qual a dose e qual o melhor vermífugo a ser usado.

Desse modo todos devem receber essa primeira dose e depois reforços periódicos. Depois de adulto recomendamos a vermifugação a cada 4 ou 6 meses de acordo com o risco de reinfestação.

Animais que saem à rua e tem contato com outros cães têm mais chance de se reinfectar, mas mesmo assim a infestação sempre será menor e menos agressiva do que em filhotes, pois com a idade adquirem certa resistência aos parasitas.

Todos os cães andam na rua ou outros locais potencialmente contaminados, além disso, nós trazemos para casa alguns ovos de parasitas nas solas de sapatos e é impossível impedir o animal de lamber as patas ou mesmo o chão.

Por essas razões, podemos acreditar que todos têm algum grau de infestação de parasitas, devendo ser controlados com medicamentos e hábitos de higiene ambiental, sempre sob orientação do seu Médico Veterinário.

Os parasitas mais comuns em cães e gatos são:

–  Toxocara, popularmente conhecida por “lombriga dos cães”.

Ancylostoma, conhecido por bicho geográfica, muito comum nas praias e areias de parques.

Dipilidium, que uma parte de uma tênia.

Giárdia, também conhecida como amebíase.

Tricuris entre outros.

Pin It on Pinterest