Gato com Sonda Alimentar

Compartilhe

Gato com Sonda Alimentar 28 de março de 2012

[/caption]

O gato que parou de comer por qualquer motivo, ou mesmo o cão, pode ter indicação de receber uma sonda alimentar para receber “forçadamente” o alimento necessário para sua manutenção até que se recupere ou volte a comer espontaneamente.

Existem vários tipos de sondas colocadas em diferentes locais de acordo com a necessidade e com o tamanho do animal.

O nosso paciente com Lipidose Hepática, recebeu a sonda esofágica e tem recebido o alimento tranquilamente. Na próxima semana deve ir para casa. Veja como ele é alimentado no filme abaixo:

Os tipos de sonda mais comuns são

– Sonda naso-gástrica ou naso-esofágica –Este tipo de tubo é o mais simples de colocar geralmente com sedação e anestésico local, mas tem uma limitação de volume e da consistência da comida, pois como o diâmetro da sonda é pequeno, ela deve ser bem liquida. Não tem indicação para longo prazo de uso, podendo ficar por 5 a 7 dias.

– Sonda esofágica –Este tipo de tubo é maior do que um tubo naso-gástrico e entra no esofago através de uma pequena incisão no pescoço. O gato deve ser anestesiados para colocar este tipo de sonda. Existem várias vantagens do tubo sofágico em comparação com um tubo naso-gástrico. O diâmetro maior do tubo de alimentação permite que o volume seja maior e a conscistência do alimento seja mais firme. Essas sondas podem ser mantidas por periodos maiores, até que o animal volte a sentir vontade de comer.

– Sonda gástrica- Sonda colocada diretamente no estômago através de procedimento cirúrgico. Apesar da facilidade de colcar alimento nesse tipo de sonda, o risco de acidentes e infecções é maior e por isso tem sido pouco usado.

Como o tempo para voltar a comer pode demorar, normalmente esses animais ficam um tempo internado e depois de alguns dias geralmente vão para casa com o tubo e com um colar protetor para ser alimentado em casa , até que volte a comer sozinho.
Alimentar um gato através de um tubo de alimentação é mais fácil e menos complicado do que você imagina.

A maioria das pessoas rapidamente pegam o jeito de preparar o alimento e de colocar dentro da sonda alimentando assim o gato. Antes de cada alimentação é importante verificar se o estômago está vazio e que o tubo não esteja obstruído.

Que tipo de comida é colocado na sonda?

Comida pastosa ou mesmo ração batida no liquidificador normalmente é o alimento usado.A quantidade de alimento e o número de refeições irá variar dependendo do tamanho do gato, do conteúdo calórico dos alimentos e da causa da anorexia.

Quais são as complicações da alimentação por sonda?

Geralmente, há poucas complicações com a alimentação por sonda, uma vez que o gato esteja estável. As complicações mais comuns incluem infecção no local da inserção do tubo, remoção inadvertida do tubo pelo gato ou proprietário e entupimento do tubo.

Seu veterinário irá instruí-lo sobre como resolver quaisquer complicações ou problemas que possam surgir.

Existem situações em que a alimentação por sonda não é possível?

Sim, quando o gato tem vômito incontrolável ou em gatos inconscientes, a alimentação por tubo não é possível. Nestes casos, pode ser necessário considerar alimentação intravenosa. Alimentação intravenosa em cães e gatos é complicado, difícil e caro e, portanto, é recomendado apenas quando não há outros métodos de alimentação disponíveis.

Gostou do conteúdo?
Compartilhe

Leia também

Ibirapuera

11 3050-2273

11 95023-3626

Av. República do Líbano, 270 Ibirapuera - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Ibirapuera

Morumbi

11 3740-2152

11 99451-6319

Avenida Giovanni Gronchi , 3001 Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Morumbi

Pacaembu

11 4305-9755

11 97450-1843

Av. Pacaembu, 1839 Pacaembu - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Pacaembu

Tatuapé

11 3019-2300

11 99787-1305

Rua Serra do Japi, 965 Tatuapé - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Tatuapé

Centro de Radioterapia

11 94394-6254

Rua João Avelino Pinho Mellão 321 - Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Centro de Radioterapia