Existem várias vacinas para serem aplicadas em cães e gatos e a frequência e número de vacinas depende, em um primeiro momento, da idade do cão ou gato.

Filhotes devem receber, normalmente, 3 doses de vacinas com intervalo de 21 a 30 dias entre elas. Assim como as crianças que nos primeiros meses de vida ou mesmo nos primeiros anos recebem várias doses de vacinas nos postos de saúde, os filhotes de cães e gatos também devem receber esse cuidado mais intenso nos seus primeiros 4 meses de vida.

Normalmente, iniciamos as vacinas com 45 a 60 dias de idade e terminamos esse primeiro ciclo com 4 a 5 meses de idade. Isso vale tanto para cães como para gatos.

As vacinas que serão aplicadas, vão depender se é um cão ou gato e do local onde vive. Animais de apartamentos estão menos expostos às doenças e animais de casa ou mesmo de algumas regiões do Brasil estão expostos a outras doenças. Quem vai decidir quais vacinas ele deve receber é o médico veterinário.

Já os animais adultos devem receber uma dose de vacina por ano (normalmente de 3 a 4 vacinas)

As principais vacinas são as seguinte:

Para cães:

- Vacina Polivalente (V10 ou V8)

- Vacina contra Gripe canina (Bordetella)

- Vacina Antirrábica

- Vacina contra Giárdia

- Vacina contra Leishmaniose

- Vacina contra Leptopirose.

Para gatos:

- Vacina Polivalente (Tríplice ou Quadrupla)

- Vacina Anti Rábica

- Vacina contra Leucemia

O Hospital Veterinário Pet Care conta com uma equipe de médicos veterinário que vão indicar a melhor forma de prevenção para o seu animal de estimação, seja ele adulto ou filhote.



Posts Relacionados:


  1. Terminei o esquema de vacinas do meu filhote. Quando devo voltar ao veterinário?

  2. Animais domésticos e crianças: o que fazer e quais os cuidados que devem ser tomados?

  3. Reações vacinais em Cães e Gatos

  4. Vacinação de Filhotes de Cães

  5. Reação alérgica em animais a picadas de insetos, vacinas e medicamentos