Home / CÃES E GATOS / O calor pode matar seu pet! Saiba como evitar que isso aconteça.

O calor pode matar seu pet! Saiba como evitar que isso aconteça.

12 / fev / 2022

A hipertermia ocorre quando o corpo atinge temperaturas mais elevadas que o normal. Isso pode acontecer tanto conosco, quanto com os animais. Agora, no verão, atendemos muitos animais (principalmente cachorros) com hipertermia e que infelizmente não resistem às complicações.

No calor, passeios e atividades físicas devem ser moderados e realizados nas horas mais frescas do dia (início da manhã e fim da tarde). Atenção também aos pisos mais quentes, que podem causar queimaduras nos coxins (almofadinhas das patas) de cães e gatos.

Indicamos nas imagens as situações mais comuns que levam os cães a desenvolverem hipertermia. Evite essas situações principalmente nos dias mais quentes e abafados. Dessa forma, você poderá aproveitar com mais segurança o verão com o seu pet.

Em certas situações de calor, os cães podem desenvolver hipertermia. Saiba como evitá-las.

Situações mais comuns que levam os cães a desenvolverem hipertermia:

> Temperatura ambiente muito alta (verão e primavera), mesmo para animal em repouso.

> Animal preso dentro do carro. com janelas fechadas e sem ar-condicionado

> Animal exposto a ambiente muito ensolarado sem sombra

Situações mais comuns que levam os cães a desenvolverem hipertermia:

> Animal sem acesso a água fresca à vontade nos dias mais quentes.

> Animais que tomam banho com água quente e secador quente.

> Passeios e atividades intensas em dias e/ou horários quentes.

Pin It on Pinterest