Home / CÃES E GATOS / Calor e piscina: atenção redobrada com cães e gatos!

Calor e piscina: atenção redobrada com cães e gatos!

14 / fev / 2022

Nada melhor do que se refrescar com um mergulho na piscina, não é mesmo? Mas cuidado! Acidentes com animais em piscinas aumentam muito no verão.

Embora cães e gatos tenham instintos para nadar, o grande risco das piscinas é que o animal caia nela na ausência do tutor e que ele não consiga sair pelas bordas ou escadas. Caso ele não consiga sair sozinho, ele pode nadar até a exaustão e se afogar por conta da fadiga.

Confira nas imagens as nossas dicas para evitar essa situação.

Como evitar acidentes em piscinas?

Confira algumas dicas para garantir a segurança do seu pet.

1 – Impeça o acesso do pet à área da piscina e atenção redobrada de filhotes e animais muito idosos.

2 – Ensine-o a nadar e a encontrar a saída (escada) no momento de adestramento.

3 – Na ausência de escada na piscina, deve-se adaptar uma plataforma de saída.

4 – Nunca deixe o animal na piscina sem supervisão de um responsável.

5 – Caso o animal caia na piscina e esteja se afogando, você deve retirá-lo rapidamente e procurar um médico veterinário com urgência. Nossas quatro unidades (Morumbi, Ibirapuera, Pacaembu e Tatuapé) possuem emergência 24h. Não deixe de procurar ajuda. Conte conosco.

Pin It on Pinterest