Home / CÃES / Cuidando do seu bichinho / Cães também sofrem com problemas de gases e flatulência

Cães também sofrem com problemas de gases e flatulência

21 / out / 2014

Barulhos na barriga e odores desagradáveis podem ser um problema, principalmente se o seu cão vive dentro de casa. É mais comum em cães de focinho curto (braquicéfalos) como os Buldogues, Pugs, Boxer e Boston Terrier, mas teoricamente pode afetar qualquer raça.

Nessas raças ou nos animais muito ofegantes que engolem muito ar quando respiram e principalmente quando comem, a produção de gazes pode ser mais evidente.

Educar o seu animal a comer calmamente pode ser um primeiro passo para evitar as flatulências.

Assim podemos encontrar duas causas principais na produção exagerada de gazes:

– Engolir muito ar, muito comum se o animal ficar ofegante ou comer muito rápido.

– Produzir muitos gases por fermentação bacteriana do intestino.

Identificada a causa, o próximo passo é mudar algumas ações e manejo, descritos a seguir:

– Fazer exame de fezes para descartar presença de parasitas, giárdia e bactérias patogênicas.

– Baseado no exame, devemos fazer o tratamento adequado com vermífugos e/ou antibióticos.

– Dividir o alimento em várias refeições procurando fazer com que coma pequenas porções durante o dia.

– Desencorajar em comer muito rápido, pois engole ar junto.

– Mudar a dieta para uma dieta de alta digestibilidade, com arroz como fonte de carboidratos e não milho ou soja.

– Evitar legumes, cebola, alho, castanhas, frutas e cereais como milho, soja, brócolis, repolho etc.

– Evitar vitaminas e suplementos.

– Evitar alimentos com leite e derivados.

– Evitar frutas frescas.

– Caminhar com o animal 30 minutos depois de cada refeição, estimulando a digestão e a eliminação dos gases.

– Existem ainda medicamentos naturais que inibem a produção de gazes.

Lembrando que é sempre importante consultar o seu Médico Veterinário!

Pin It on Pinterest