Home / Uncategorized / Alerta: os perigos que cercam cães e gatos nas festas de final de ano

Alerta: os perigos que cercam cães e gatos nas festas de final de ano

20 / dez / 2019

Quem tem cachorro e gato precisa ter cuidado redobrado durante festividades, vários perigos cercam os pets nessa época do ano: enfeites, árvore e luzes de natal, comidas e bebidas são um risco para a saúde do seu animal.

Para evitar que a festa vire um pesadelo, elencamos algumas emergências, que infelizmente são comuns nessa época.

Cuidado com enfeites e árvores de Natal

  • Engolir enfeites da árvore é uma emergência médica e é recorrente, os filhotes curiosos costumam ser a maioria das vítimas, então, todo cuidado é pouco, mantenha seu pet longe da árvore de Natal. Caso seu gatinho ou cachorrinho engula um corpo estranho é necessário leva-lo a um hospital veterinário rapidamente.
  • Fios elétricos também são perigosos, mantenha tudo fora do alcance do pet. Os gatos e cachorros podem morder os fios e tomar um choque elétrico, que pode ser até fatal, ocasionando um edema pulmonar.
  • Queda da árvore de Natal, gatos adoram escalar e podem sofre uma queda ao subir na árvore e se machucar seriamente, deixe a árvore sempre longe do alcance dos felinos e também dos cachorros que gostam de pular.

Comidas da ceia

  • Engolir caroço de ameixa e pêssego é um problema grave, em 90% dos casos é necessário fazer uma endoscopia ou cirurgia para retirada de corpo estranho. Então, avise seus convidados para não ofertar esses alimentos ao gato ou cachorro.
  • Intoxicação alimentares com comidas gordurosas (embutidos, pernil, churrasco), queijo e chocolate fazem muito mal aos cães e gatos. Os sintomas podem ser desde vômito e diarreia até pancreatite, portanto nunca ofereça essas comidas. Para evitar que eles “roubem” os alimentos vale ter um pacote de petisco feito para cães e gatos por perto, assim você pode oferece-los durante a ceia, mas com moderação.
  • Uva e uva passa são extremamente tóxicas para os cães. O alimento causa vômito e diarreia e pode evoluir para quadros bem graves de insuficiência renal. Portanto mantenha esses alimentos longe dos cachorros.
  • Chocolate é muito atraente para os cães. O chocolate tem teobromina e essa substância é muito tóxica e pode levar o cão a ter sintomas como: vômito, diarreia, respiração rápida, inquietação, hiperatividade, tremores, incoordenação e aumento da frequência cardíaca. Mesmo sem esses sintomas, se seu cão comeu chocolate é necessário leva-lo para uma consulta.
  • Frutas secas como castanhas, nozes e macadâmia são muito gordurosas e levam a intoxicação alimentar com vômitos e diarreia, mas a macadâmia pode levar a um quadro ainda mais grave. Além de vômito e diarreia pode levar a ataxia (incoordenação) e paresia (paralisia) dos membros posteriores (pernas) que pode desaparecer em até 24 hora, ou necessitar de internação.

O Pet Care tem uma estrutura hospitalar veterinária completa, 24 horas por dia para atender desde consultas de rotina até emergências complexas.

Pin It on Pinterest