Seu cão ou gato pode ter pressão alta

Compartilhe

Seu cão ou gato pode ter pressão alta 07 de março de 2016

A pressão alta ou hipertensão arterial sistêmica, assim como em humanos, também pode ocorrer em cachorros ou gatos. Várias doenças podem provocar esse sinal clínico – que pode ser silencioso e deve ser tratado, se diagnosticado. O aumento da população geriátrica animal gera um aumento de doenças que podem levar a essa condição.

Em cães e gatos, ao contrário do que ocorre com os pacientes humanos, a hipertensão, em geral, é secundária a alguma afecção sistêmica. Em cães, relaciona-se mais comumente à doença renal crônica, hiperadrenocorticismo e diabetes mellitus. Em gatos, está mais frequentemente associada à doença renal crônica e ao hipertiroidismo.

A pressão alta nos cachorros e gatos pode provocar lesões em outros órgãos, tais como, cérebro, rins, olhos e coração. Com isso, o médico veterinário deve realizar com frequência a mensuração da pressão arterial sistêmica. Hoje em dia, temos um método não invasivo para tal mensuração. Geralmente utilizamos um aparelho chamado Doppler.

O exame é comum e fácil de ser realizado em ambulatório, entretanto essa mensuração pode ser afetada devido ao stress do animal no momento do exame e isso gera uma subjetividade no resultado. O ideal é tentar acalmar o animal, fazer mais de uma mensuração no mesmo dia ou até varias mensurações em dias alternados, para diagnostico definitivo da hipertensão arterial sistêmica.

Caso o animal seja diagnosticado com pressão arterial alta, o veterinário deve descobrir a causa, iniciar o tratamento da doença primária e tratar a hipertensão em conjunto. Várias medicações podem ser usadas para tal tratamento, porém isso depende muito de cada caso. É imprescindível que o médico veterinário acompanhe e inicie o tratamento com o medicamento correto.

Por esse motivo é tão importante levar seu animal para um check-up geral. No Pet Care, indicamos um check-up anual para animais com mais de 5 anos e, para animais acima de 8 anos, a cada 4 a 6 meses. Com o diagnóstico e tratamento precoce, seu animal pode ter um aumento da sobrevida.

Gostou do conteúdo?
Compartilhe

Leia também

Ibirapuera

11 3050-2273

11 95023-3626

Av. República do Líbano, 270 Ibirapuera - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Ibirapuera

Morumbi

11 3740-2152

11 99451-6319

Avenida Giovanni Gronchi , 3001 Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Morumbi

Pacaembu

11 4305-9755

11 97450-1843

Av. Pacaembu, 1839 Pacaembu - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Pacaembu

Tatuapé

11 3019-2300

11 99787-1305

Rua Serra do Japi, 965 Tatuapé - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Tatuapé

Centro de Radioterapia

11 94394-6254

Rua João Avelino Pinho Mellão 321 - Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Centro de Radioterapia