Cão-guia auxilia seu dono e seu colega canino cego

Compartilhe

Cão-guia auxilia seu dono e seu colega canino cego 07 de maio de 2014

Texto extraído de UOL Notícias

Opal (à direita) ajuda Edward (à esquerda) e seu dono a se locomoverem depois que Edward, um antigo cão-guia, perdeu a visão vítima de catarata

Um evento inesperado marcou a vida do britânico Graham Waspe, morador da cidade de Stowmarket, na Inglaterra.

Portador de deficiência visual, ele era auxiliado por seu fiel cão-guia, Edward, até que o cão também perdeu sua visão, vítima de catarata. O que poderia ser motivo de tristeza  mostrou-se, na realidade, um exemplo de amizade e companheirismo.

Graham agora tem um novo cão-guia, Opal, que serve de guia não apenas para ele, mas para o companheiro Edward.

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, o caso do cão que auxilia Graham e Edward causou comoção na região Suffolg, na Inglaterra. Graham perdeu parte da visão devido a dois incidentes ao longo de sua vida.

Há seis anos, ele adquiriu Edward, que se tornou o seu ‘escudeiro’ ao longo de todo esse período. Mas por conta da catarata, Edward, um vistoso labrador de pelo branco, não conseguiu mais ajudar o dono e passou a, ele também, precisar de ajuda.

Foi quando Opal entrou na vida dos dois. Opal é um labrador fêmea de pelo dourado que está construindo sua própria reputação na região em que Graham e sua esposa, Sandra, moram. Antes de perder a visão, Edward acompanhava o casal em palestras sobre e treinamentos para cães-guias. Agora, é Opal que está trilhando esse caminho.

“Opal tem sido maravilhoso para nós dois.  Eu não sei o que teria sido de nós sem ela”, diz Graham Waspe. Ele conta que após seis anos de parceria com Edward, ele se sentiu devastado quando descobriu que seu companheiro ficaria cego por conta da catarata.

Sandra diz que a forma como Opal se integrou à família e à comunidade em que o casal vive foi surpreendente. “Opal chegou muito mais rapidamente para nós porque, infelizmente, o antigo casal a quem ela pertencia morreu”.

Ele chegou no dia 12 de novembro e no dia 16 já estava treinando com Graham. “Em dezembro ele já estava qualificado (para atuar como guia de Graham)”, conta.

Sandra conta que Edward ficou preocupado com o destino de Edward assim que o cão ficou cego. “Ele me perguntou se Edward seria feliz novamente”, conta Sandra. A esposa de Graham diz que a perda da visão não alterou os gostos de Edward. “Ele continua gostando de brincar com as crianças e de receber cócegas em sua barriga”, conta.

Hoje, o casal Waspe aproveita a fama de Opal e Edward para promover cursos sobre a importância dos cães-guia e também levantam doações para uma ONG especializada no assunto. (Com informações do Daily Mail e Mirror)

Gostou do conteúdo?
Compartilhe

Leia também

Ibirapuera

11 3050-2273

11 95023-3626

Av. República do Líbano, 270 Ibirapuera - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Ibirapuera

Morumbi

11 3740-2152

11 99451-6319

Avenida Giovanni Gronchi , 3001 Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Morumbi

Pacaembu

11 4305-9755

11 97450-1843

Av. Pacaembu, 1839 Pacaembu - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Pacaembu

Tatuapé

11 3019-2300

11 99787-1305

Rua Serra do Japi, 965 Tatuapé - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Tatuapé

Centro de Radioterapia

11 94394-6254

Rua João Avelino Pinho Mellão 321 - Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Centro de Radioterapia