Atropelamentos: O que você deve fazer

Compartilhe

Atropelamentos: O que você deve fazer 11 de agosto de 2014

Quando um cão ou gato for atropelado, ele deve ser removido com segurança do local com o máximo de cuidado para evitar que o animal, o proprietário e tráfego próximo sofram novos acidentes. Uma vez que o animal for removido, primeiro deve-se verificar se ele está respirando, e localizar um Hospital Veterinário mais próximo para atendimento emergencial.

Se o animal está inconsciente, mas respirando, cuidados especiais devem ser tomados com o transporte para evitar que o caso fique mais grave. Tente não mover muito o animal durante o transporte e use uma toalha grande, um pedaço de papelão ou um cobertor para suspender o animal do chão para o carro.

Qualquer ferida que estiver sangrando, deve ser coberta com um pano com leve pressão. Se o animal não consegue ficar em pé, os cuidados devem ser redobrados antes de transportar o animal a um Hospital Veterinário.

Donos de cães e gatos precisam lembrar que depois do atropelamento o primeiro instinto dos animais é fugir e ignorar a dor. Na natureza, essa ação protege o animal contra predadores, mas para animais domesticados isso piora o caso, pois muitas vezes os donos não percebem que seu animal sofreu ferimentos graves. É por isso que é tão importante levar o seu animal a um Hospital Veterinário imediatamente após um acidente de carro, mesmo que o animal pareça estar bem após o acidente.

O que o seu Médico Veterinário irá fazer?

O seu Médico Veterinário irá avaliar os ferimentos do seu animal através de um exame clínico completo, exames de sangue, raios-x, ultrassom e, às vezes, até exames de tomografia e ressonância magnética são necessários. Casos muito graves, como em estado de choque, serão tratados através de soro na veia, administração de esteroides, sedativos e a dor será controlada através de analgésicos.

Se o animal precisar de cirurgia para reparar fraturas ou danos em órgãos internos (hemorragia interna, bexiga que se rompe), o animal vai ser anestesiado e a cirurgia será realizada o mais breve possível. O tempo que o animal terá de permanecer no Hospital depende da gravidade das lesões.

LEMBRE-SE: Os animais devem estar sempre com coleiras e guias, não devem ter acesso à rua sem supervisão e não é por que foi atropelado uma vez que vai “aprender”. Se não houver segurança, ele pode ser atropelado novamente.

Abaixo, fotos da Salomé, uma pastora de 03 anos que foi atropelada na rua de sua casa, enquanto passeava, na noite de 01/08/2014. Trazida imediatamente ao Pet Care, os exames iniciais mostraram fraturas múltiplas na bacia.

Foi levada para exame de Tomografia Computadorizada e precisou de uma longa cirurgia para reparar as fraturas, precisando colocar placas metálicas, pinos e parafusos para estabilizar a bacia. Felizmente nenhum órgão interno foi afetado, mas a Salomé ainda tem um longo caminho pela frente, com repouso, fisioterapia e cuidados intensivos. Mas tudo está correndo bem e a recuperação está sendo boa. Isso também por ela ser saudável e jovem. Boa sorte, Salomé!

Atropelamentos - O que você deve fazer 01

Atropelamentos - O que você deve fazer 02

O Pet Care está aberto 24 horas, todos os dias da semana, pronto para atender o seu animal.

Unidade Morumbi – 3740 2152

Unidade Pacaembu – 4305 9755

Unidade Ibirapuera – 3050 2273

Em breve, inauguração da Unidade Tatuapé!

Gostou do conteúdo?
Compartilhe

Leia também

Ibirapuera

11 3050-2273

11 95023-3626

Av. República do Líbano, 270 Ibirapuera - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Ibirapuera

Morumbi

11 3740-2152

11 99451-6319

Avenida Giovanni Gronchi , 3001 Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Morumbi

Pacaembu

11 4305-9755

11 97450-1843

Av. Pacaembu, 1839 Pacaembu - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Pacaembu

Tatuapé

11 3019-2300

11 99787-1305

Rua Serra do Japi, 965 Tatuapé - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Tatuapé

Centro de Radioterapia

11 94394-6254

Rua João Avelino Pinho Mellão 321 - Morumbi - SP

Saiba maissaiba mais da unidade Centro de Radioterapia