Nós sabemos que mulheres tem que fazer exame de toque nos seios frequentemente e homens tem que fazer exame da próstata. Em cadelas já discutimos este assunto e em cães machos chegou a vez de conversarmos sobre exame de próstata em machos não castrados.

Quando um cão fica mais velho, geralmente a partir dos 5-6 anos de idade pode começar a aparecer um aumento prostático. Como percebemos? Muitas vezes o animal apresenta dor abdominal,  outras vezes infecção urinária ou até mesmo calculos pois não conseguem esvaziar totalmente a bexiga.

Outros machos apresentam sangramento pelo pênis, alguns não conseguem defecar direito e o cocô sai em forma de fita (achatado). Em outros o esforço  para defecar e urinar é tão grande que acabam formando uma hérnia perineal. Quando a prostata inflama, criando uma prostatite, o animal pode ter febre, vômitos, diarreia etc.

Primeiramente, qualquer dono de cão macho tem que observar se seu cão apresenta qualquer um destes sintomas acima.É aconselhável fazer um ultrassom abdominal uma vez ao ano após os 5-6 anos de idade. O toque retal prostático pode ou não dar diagnóstico em cães. Saberemos muito melhor avaliar pelo resultado da imagem do ultrassom. Em alguns animais quando radiografamos o abdomen podemos ver também o aumento prostático.

Uma prostatite crônica pode evoluir para um cancer prostático. Geralmente carcinoma prostático. É raro mas acontece. Nestes casos o tratamento é muito mais complicado.

Em cães onde diagnosticamos aumento da próstata recomendamos a castração, que com certeza resolverá o problema. Existe  controle com uso de medicamento, mas, é caro e tem que ser feito para o resto da vida todos os dias.

Medicina Veterinária Preventiva indica exames de ultrassonografia  em cães machos para controle da próstata, anualmente a partir dos 6 anos de idade.

Gatos não tem problema prostático como em cães.



Posts Relacionados:


  1. Quando o problema é Carrapato

  2. Bicho geográfico. Os causadores desse problema são os cães e gatos

  3. Hernia Perineal em Cão