Se o seu cachorro ou gato começou a ficar com os olhos mais claros de repente, fique atento, pois ele pode estar com catarata. Infelizmente essa doença atinge tanto os humanos, quanto os pets.

O que é catarata?

Doença que deixa a lente do olho “esbranquiçada” e bloqueia a passagem da luz ocasionando dificuldade e/ou perda de visão. Este problema pode acontecer nos dois olhos ou apenas em um.

Como o cachorro/gato pegam essa doença?

Ela pode aparecer em animais de qualquer idade por vários motivos, por exemplo:

• Problemas congênitos (o animal nasce com a catarata)

• Problemas hereditários

• Problemas traumáticos

• Doença pós-inflamatória

• Doenças metabólicas (diabetes, por exemplo)

• Problemas nutricionais

• Idade

Porém causas genéticas e/ou hereditárias são as mais comuns e pode ocorrer em qualquer idade.  A catarata pode se desenvolver rapidamente em semanas, ou lentamente através dos anos, e ocorrem em um ou ambos os olhos. Diferentes raças de cães têm características diferentes do desenvolvimento de catarata.

Por exemplo, a catarata em cães da raça Bichon Frisee tende a desenvolver-se rapidamente no início da idade adulta e, normalmente envolver toda a lente em ambos os olhos.

A segunda causa mais comum de catarata em cães é o diabetes (diabetes mellitus). Aproximadamente 75% dos cães diabéticos irão desenvolver catarata no primeiro ano de aparecimento da doença, tanto que naqueles cães que tem aparecimento repentino de catarata e possibilidade de diabetes deve ser investigada.

A terceira causa mais comum de catarata em cães é uma reação inflamatória do cristalino que ocorre devido a trauma, uso de medicamentos, ou outras doenças oculares e mesmo sistêmicas.

As causas mais comuns de inflamações oculares que levam ao desenvolvimento da catarata são:

Degeneração da retina, especialmente Atrofia Progressiva da Retina (PRA em inglês)

Uveíte (inflamação intraocular) de qualquer causa, incluindo doenças infecciosas como cistites

Doenças do carrapatos e mesmo trauma. Secundária ao glaucoma (aumento da pressão intraocular). Ruptura da cápsula que envolve o cristalino devido trauma.

Assim, é prudente procurar um médico veterinário oftalmologista sempre que perceber algo diferente no olho do seu animal, como piscar mais do que o normal, ficar com os olhos fechados, secreção ocular mais abundante, aumento ou diminuição do tamanho dos olhos, opacificação ou mudança de coloração dos olhos entre outros.

A catarata pode também desenvolver-se devido a deficiências nutricionais em cães, como filhotes órfãos que são alimentados com dieta artificial ou deficiente ou mesmo com o envelhecimento (frequentemente após oito anos de vida). No entanto, catarata relacionada à senilidade em cães geralmente são pequenas e não interferem significativamente com a visão.

Além dessas citadas há muitas outras causas potenciais de catarata em cães, como má formações oculares ao nascimento, a radiação (geralmente de radioterapia prolongada para câncer de cabeça), infecções entre outros.

Principais raças predispostas ao desenvolvimento de catarata hereditária são:

Poodle, Cocker Spaniel Americano e Inglês, Schnauzer miniatura, Golden e Labrador Retriever, West Highland White Terrier e Afghan Hound.

catarata em gatos ocorre com menos frequência e está relacionada principalmente com o envelhecimento, inflamações intra-oculares ou diabetes.

Tratamento

O tratamento da catarata é cirúrgico, consistindo na remoção da lente opacificada e restauração da transparência no eixo visual, o que devolve a visão em aproximadamente 95% dos casos.

A cirurgia de catarata avançou muito nos últimos anos e, hoje em dia, a técnica empregada na cirurgia dos animais é a mesma utilizada em seres humanos.

O Pet Care conta com um moderno aparelho de facoemulsificação, que fragmenta e aspira a lente com catarata através de pequenos cortes no olho e também faz o implante de lente intraocular que substitui a lente extraída. A função desse implante é a de restabelecer a capacidade de foco, incrementando a visão.

Então se que o olho do seu pet está azulado ou levemente opaco; Se ele tem o olho mais opacificado e parece não enxergar bem pode ser início de catarata e só quem poderá diagnosticar é um médico veterinário.

O Pet Care conta os os melhores especialistas do mercado e conta com oftalmologistas renomados. Agende sua consulta na unidade mais próxima: Morumbi, Ibirapuera, Tatuapé e Pacaembu.



Posts Relacionados:


  1. COLOCAÇÃO DE LENTE INTRAOCULAR NAS CIRURGIAS DE CATARATA EM CÃES

  2. Seu animal está com catarata? Saiba o que fazer

  3. Catarata e Esclerose de Cristalino

  4. Por que meu cão ou gato pode ter catarata?

  5. Será que seu cão ou gato tem Catarata?